Crefito10

Saúde de Florianópólis em Risco


Compartilhar
Tweetar
Enviar
Imprimir
Publicado em: 24/01/2017

 SAÚDE DE FLORIANÓPOLIS EM RISCO

O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 10ª Região –CREFITO-10, autarquia federal com competência para a fiscalização do exercício dessas profissões no território catarinense, vale-se da presente nota para manifestar sua preocupação com os serviços públicos de saúde do município de Florianópolis, especialmente no que se refere à Fisioterapia e à Terapia Ocupacional, haja vista a paralisação do atendimento à população em decorrência da apresentação de projetos de lei que visam modificar o Estatuto do Servidor Público e o Plano de Cargos e Salários.

Sem dúvida, a Saúde é uma das principais necessidades da população e, por consequência, um dos maiores desafios dos governantes que assumiram em 1º de janeiro. Entretanto, este desafio não pode resumir às questões físicas e estruturais, geralmente alvo de inúmeros debates em redes sociais e meios de comunicação.


O principal desafio está na formação e manutenção de mão de obra qualificada e dedicada ao seu trabalho. Há evidente necessidade de valorização dos profissionais que diuturnamente promovem a saúde da
população, não só com a criação de novas vagas, o que é importante, mas também pela oferta de condições adequadas de trabalho e remuneração.


Os profissionais que optaram por dedicar suas vidas à assistência do cidadão, auxiliando o poder público a cumprir sua obrigação constitucional de garantir a saúde da população, merecem todo o respeito.


Esses profissionais, por vezes marginalizados por conta de políticas públicas de saúde mal administradas e desmandos governamentais, são, ao nosso ver um dos bens mais preciosos da população, pois estão a seu serviço e dedicam suas vidas e suas carreiras a esta missão.


Atitudes que desestabilizam a vida desses profissionais, sem dúvida, causam impacto negativo no serviço prestado, o que se torna evidente em Florianópolis, dada a deflagração da greve dos servidores, em evidente prejuízo do cidadão.


Durante a última semana, conversamos com profissionais da saúde do município de Florianópolis, e observamos uma posição não necessariamente contrária a “mudanças”, mas sim um sentimento de total falta de segurança em razão da forma que essas “mudanças” estão sendo propostas, sem debate ou mesmo apresentação detalhada aos envolvidos, os servidores.


Certamente, o diálogo se afigura como o meio mais adequado para que os envolvidos alcancem uma solução para o impasse, com garantia do atendimento à população.


Por conta disso, o CREFITO-10 conclama o Executivo Municipal a estabelecer um canal de diálogo direto com os representantes de seus servidores, a fim de que as propostas sejam apresentadas e amplamente discutidas.


Saúde é um direito de todos, motivo pelo qual todos devem acompanhar essa discussão, independentemente de ideologias ou preferências político-partidárias.

 

Sandroval Francisco Torres

Presidente do Crefito-10

Voltar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Transparência

Legislação



Portal



Código de Ética Profissional




Ouvidoria do CREFITO-10

Denuncie

 

 

 

 

 

 

Crefito10
Endereço CONSELHO REGIONAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL DA 10ª REGIÃO
Rua Monsenhor Topp, 202 - Centro - Florianópolis/SC - CEP: 88020-500 Telefone Fone/Fax: (48) 3225-3329